Procurar na Bubok

Remisson Aniceto

Remisson Aniceto nasceu em Nova Era, pequena e aconchegante cidade do interior de Minas, próxima à Itabira de Drummond. Sempre imaginou que um dia contornaria as montanhas para ver o gauche, mas, como Drummond havia advertido bem antes:"tinha uma pedra no meio do caminho". Até que em 17 de agosto de 1987 o poeta viajou definitivamente. Desde muito cedo tomou gosto pela leitura, incentivado pelo seu pai que não dispensava nem bula de remédio. Arredio como bicho do mato, escondia-se entre as árvores do quintal sempre que sua família recebia visitas. Ali, ficava lendo horas a fio. Começou a escrever aos oito anos e pouco depois lia alguns clássicos na biblioteca pública (não tinha condições de comprar livros). Dessa forma conheceu Machado, Cecília, Sabino, Quintana, Pessoa, Eça, Goethe, Rilke, Garcia Marquez... Seu namoro com a leitura e a escrita auxiliou muito na sua integração social. Mudou-se para São Paulo em 1979, à procura de trabalho. Seus textos (poesias, contos, crônicas e resenhas) são temas de programas de rádio, jornais e livros didáticos, copiados e traduzidos para o espanhol e outros idiomas e já mereceram críticas e prefácios de notáveis escritores e educadores como Ignácio de Loyola Brandão, Celso Antunes, João Evangelista de Magalhães, Pedro Sevylla de Juana. Em outubro de 2016 a Editora Penalux publicou seu livro de contos e crônicas "Leva-me Contigo, a senhora S & outras histórias".
registou-se na Bubok